Tempranillo ou Tinta Roriz? Existe Nome Correto Para a Uva?

de Wine em Casa em December 10, 2021

A casta Tempranillo é a mais importante das uvas da Espanha e ocupa a maior área plantada da região. De acordo com a região onde for plantada, esta uva pode receber diferentes denominações. Em Portugal, por exemplo, essa variedade de uvas também é produzida em muitas regiões e é conhecida principalmente por Tinta Roriz. Essa variedade de uvas tem origem antiga, sendo que sua primeira menção confiável é de 1807, mas não se sabe ao certo se não houve produções ainda mais antigas, portanto, não é difícil de se imaginar que a uva tenha recebido diversos nomes de acordo com o local onde for produzida.
Além das denominações mencionadas, de acordo com a região de cultivo a casta pode ser conhecida por Aragonez, Tinta del País, Tinta del Toro, Cocibel, Tinto Fino, Ull de Llebre. Tempranillo é uma casta que matura cedo e deve ser colhida na época certa para manter a concentração ideal de acidez. É justamente sua característica de maturação e colheita precoce que proporciona versatilidade à essa uva, tornando-a apta a ser cultivada em diferentes climas, sendo cultivada atualmente em diversos países além da Espanha e Portugal, como Argentina, Estados Unidos, França, Austrália e até mesmo no Brasil.
O próprio nome “Tempranillo” tem origem na palavra “temprano” que significa “cedo”, o que remete à característica de maturação e colheita desta uva. A uva Tempranillo pode ser encontrada em vinhos tanto em sua forma varietal quanto em assemblages, em Portugal, por exemplo, é muito utilizada na produção do famoso Vinho do Porto. Embora normalmente seja mais encontrada em vinhos tintos, alguns vinhos rosés também utilizam Tempranillo em sua elaboração. E por falar nos vinhos resultantes da utilização desta uva, estes normalmente tendem a ser vinhos ricos, elegantes e até mesmo robustos, com um sabor picante e com traços marcantes de frutas vermelhas. Além disso, estes vinhos costumas ser bem aromáticos e estruturados. Também é comum notar, mais particularmente nos vinhos produzidos na Espanha, notas de couro além do típico aroma de frutas vermelhas.
E então, agora que as dúvidas quanto aos nomes e características dessa uva foram esclarecidas, que tal provar um de seus vinhos?