Reservado x Reserva, entenda a diferença

de Wine em Casa em November 05, 2021

Você provavelmente já se deparou com essa dúvida na hora de escolher um vinho, não é mesmo? Mas calma, hoje você vai entender de uma vez por todas a diferença de Vinho Reserva e Vinho Reservado!
Se você é novo no mundo dos vinhos ou não, certamente em algum momento essa dúvida pairou sobre sua cabeça. Afinal qual é a diferença entre um e outro? Primeiramente, não significa que um é melhor do que o outro, então você já pode descartar essa opção. Cada país utiliza dessa nomenclatura de forma diferente e específica, fazendo com que a definição seja diferente para cada país e região.
O termo reserva é utilizado por muitos países da América do Sul e dos Estados Unidos para apontar que o vinho passou por um processo de amadurecimento em barricas de carvalho, se diferenciando dos demais vinhos que podem ter outros tipos de amadurecimento. Vale lembrar que cada vinícola tem seu processo de produção, o que proporciona uma infinidade de tipos e estilos de vinhos. Já na Europa esse termo é totalmente específico para sinalizar que a nomenclatura tem a ver com o tempo de amadurecimento daquele vinho. Sendo para cada região de origem um tempo específico que pode variar de acordo com a região e produtor.
Já o termo reservado é mais comum nos vinhos da América do Sul, muito populares no Chile por exemplo. Os rótulos que levam a nomenclatura reservado são considerados vinhos para o dia a dia, com um estilo fácil de se beber. São vinhos de muita qualidade mas que não são amadurecidos em barricas de carvalho, sendo ideais para consumo imediato.
Geralmente os vinhos reservados são produzidos em grande escala e cada país ou produtor possui uma identidade para esses rótulos.
Em geral a diferença é simples mas pode confundir se você não souber o que cada um significa. Agora que você já sabe o que cada um significa, fizemos uma lista com os melhores vinhos denominados Reserva e os melhores vinhos Reservados.
Fique à vontade e escolha já o seu!