Iniciando no Mundo da Degustação de Vinhos? Confira Algumas Dicas

de Wine em Casa em March 15, 2022

Vinho é uma bebida que tem tanta diversidade de estilos e que conquista a diferentes paladares. Esta atividade conquista um público cada vez maior e quem está querendo aderir a este universo deve estar atento para acostumar seu paladar e não errar na hora de degustar a bebida. Isso pode não parecer muito importante se você está começando, mas acostumar o paladar demanda de tempo e estudo a respeito dos tipos de vinhos.

Primeiramente, é importante conhecer os tipos de vinhos, em geral, os vinhos podem se dividir em vinhos tranquilos ou frisantes e espumantes. Os frisantes e espumantes são os que apresentam perlage (ou borbulhas), enquanto os vinhos tranquilos não apresentam esta característica. E ainda um terceiro tipo: os vinhos que apresentam uma perlage fina, conhecidos como vinhos com efeito agulha.

A forma mais simples e imediata de diferenciar os estilos de vinhos é pela cor, que também podem ajudar a conhecer suas principais particularidades. Os vinhos brancos são feitos a partir de uvas brancas ou tintas sem contato com a casca, costumam ser mais leves e refrescantes, com acidez elevada e teor alcoólico mais baixo. Os vinhos tintos são produzidos com uvas vermelhas ou roxas, tendem a ser mais encorpados, e sua principal característica é a presença de taninos. Os rosés são criados a partir de uvas tintas com pouco contato com a casca, ou ainda da união de uvas tintas e brancas, são leves e refrescantes, mas com sabor marcante.

De acordo com o teor de açúcar residual restante na bebida após a fermentação, os vinhos podem ser classificados em: seco, semi-secos, suaves e licorosos. Os secos são os que possuem menor teor de açúcar, enquanto os licorosos possuem o teor mais elevado.

Outro ponto importante é estar atento às uvas e regiões onde o vinho foi elaborado, isso porque cada região tem características particulares que formam um terroir específico, o que se reflete na bebida. Assim, dois vinhos produzidos com a mesma uva, mas de regiões diferentes, podem apresentar diferenças e particularidades marcantes.

E por falar em uvas, as mais populares são: brancas: Chardonnay, Riesling, Sauvignon Blanc, Moscatel, Verdejo e Chenin Blanc; tintas: Malbec, Cabernet Sauvignon, Pinot Noir, Syrah, Merlot, Tannat e Tempranillo.

No momento da degustação, é importante estar atento ao tipo do vinho na hora de combinar com algum prato ou aperitivo. Também existe um tipo de taça ideal para cada tipo de vinho, para que seja possível apreciar seus sabores e aromas de maneira adequada, caso esteja em dúvida, aposte na taça ISO que é versátil e pode ser utilizada para diferentes estilos. Caso opte por degustar mais de um tipo de vinho, comece do mais jovem, do mais seco e do branco ao tinto. Esteja atento a todos os aspectos: visuais e sensoriais.

E para harmonizar, busque combinar características dos vinhos com características do prato, para que um sabor não mascare o outro.